Portal Sal da Terra

Notícias Mundo

Terremoto deixa ao menos 950 mortos no Afeganistão

Terremoto deixa ao menos 950 mortos no Afeganistão
Reprodução
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Nesta quarta-feira (22), um terremoto atingiu o Afeganistão e, pelo menos, 950 pessoas morreram, de acordo com números ainda imprecisos levantados por agências internacionais.

Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos, o tremor teve magnitude de 5,9 graus.

O epicentro do terremoto foi a 44 quilômetros da cidade de Khost, na província de Paktika, nas proximidades da fronteira com o Paquistão. O sismo também foi sentido no país vizinho e na Índia, mas os relatos de vítimas se concentra no Afeganistão.

A agência de notícias Reuters afirma que casas foram reduzidas a pó e que helicópteros são usados para acessar áreas remotas atingidas pelo tremor.

O resgate é demorado pois a região é cercada por montanhas e construções precárias. As aeronaves levam ainda suprimentos médicos para os locais com mais vítimas.

O resgate de feridos e mortos é dificultado ainda mais pela situação de calamidade vivida pelo país.

Após a saída de forças militares internacionais do país, em 2021, o grupo fundamentalista islâmico Talibã voltou ao poder. O Afeganistão está mergulhado em uma crise política após sanções americanas contra bancos e instituições financeiras afegãs.

O escritório da ONU para Assuntos Humanitários disse estar pronto para oferecer ajuda, em parcerias com outras agências das Nações Unidas, para o atendimento aos feridos e resgate dos mortos. Já um membro do Ministério do Interior do Afeganistão disse à Reuters que espera ajuda internacional após a destruição causada pelo terremoto.

O Paquistão disse estar trabalhando para estender o auxílio ao vizinho.

O número de feridos passa de 600 e a contabilidade de mortos deve crescer a medida que o resgate avança, segundo as autoridades afegãs.

FONTE/CRÉDITOS: Gazeta Brasil

Veja também