Portal Sal da Terra

Notícias Geral

Procuradoria diz que motociata de Bolsonaro não foi campanha antecipada

Procuradoria diz que motociata de Bolsonaro não foi campanha antecipada
Reprodução
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Procuradoria-Geral Eleitoral (PGE), não identificou atos de campanha antecipada em uma viagem do presidente Jair Bolsonaro (PL) ao Paraná, no início de abril, para uma agenda de compromissos que incluiu motociata e carreata no interior do estado.

O vice-procurador-geral eleitoral, Paulo Gonet Branco, afirmou em duas manifestações enviadas ao TSE, que o presidente esteve presente em manifestações espontâneas de apoiadores, o que não caracteriza transgressão às regras eleitorais.

“A participação do presidente da República em manifestação espontânea de apoiadores não caracteriza conduta irregular por si só”, afirmou o representante do Ministério Público Eleitoral, em pareceres dos dias 29 de abril e 4 de maio.

Designado por Augusto Aras para desempenhar a função de vice-PGE, Gonet Branco opinou sobre o assunto em razão de duas representações enviadas pelo PT ao TSE. Os processos estão sob a relatoria da ministra Cármen Lúcia.

FONTE/CRÉDITOS: Questione-se.com

Veja também