Portal Sal da Terra

Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2024

Notícias Mundo

Incêndios florestais no Havaí: mortos chegam a 99 e mais de 1 mil seguem desaparecidos com 25% das buscas concluídas

De acordo com o governador do Havaí, equipes devem achar de 10 a 20 mortos por dia

Incêndios florestais no Havaí: mortos chegam a 99 e mais de 1 mil seguem desaparecidos com 25% das buscas concluídas
Reprodução/Redes sociais
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

As buscas por sobreviventes do incêndio em Lahaina, na ilha de Maui, no Havaí, concluíram o 1º quarto da área afetada pelo desastre. De acordo com as autoridades locais, 99 pessoas morreram.

Um banco de dados dos EUA, que leva em consideração avisos de “pessoas desaparecidas” postados em abrigos, bem como informações enviadas por entes queridos, mostrou que cerca de 1130 indivíduos ainda não foram localizados.

Segundo dados da Cruz Vermelha Norte-Americana, 2500 ligações sobre desaparecidos foram feitas ao órgão que afirmou ter resolvido 800 delas.

No Havaí, as causas exatas das chamas ainda são desconhecidas, mas o que se sabe é que o tempo excepcionalmente seco e fortes ventos na região ajudaram a alimentar o fogo e a deixar a vegetação da ilha de Mauí altamente inflamável.

Esse já é o incêndio florestal mais mortal dos EUA nos últimos 100 anos, de acordo com o governo americano.

O incêndio afetou mais de 2.200 construções, 86% deles residenciais, causando danos estimados em US$ 5,5 bilhões (R$ 27,35 bilhões).

As autoridades dos EUA alertaram que identificar as vítimas seria uma tarefa difícil, já que as chamas atingiram temperaturas superiores a 538°C.

Quase 2.000 unidades habitacionais, incluindo 400 quartos de hotel, 1.400 unidades do Airbnb e 160 casas particulares serão disponibilizadas, de acordo com o governador do Havaí, Josh Green, na coletiva de imprensa.

Mais de 3.200 residentes do Havaí se registraram para receber assistência federal, e esse número deve aumentar.

Segundo o governador do Havaí, equipes de resgate devem achar de 10 a 20 mortos por dia.

FONTE/CRÉDITOS: Gazeta Brasil

Veja também